Líder: Aprenda a ceder perante a equipa e conquiste confiança!

Líder: Aprenda a ceder perante a equipa e conquiste confiança!

Um líder constrói-se em função da riqueza e diversidade que encontra no seio das suas equipas e da forma como acolhe e aprende com a diferença.

Numa publicação anterior no nosso blog, explicámos que liderar crianças ou adultos é completamente diferente. Neste artigo, abordamos a importância da cedência perante a equipa, independentemente de esta ser composta por miúdos ou graúdos.

A espontaneidade e a transparência dos mais novos complementam-se com o desafio de interpretar o comportamento dos adultos, os silêncios e os burburinhos que os surpreendem ao virar de cada esquina.

O desafio reside na capacidade de tornear e enfrentar o sinal de oposição de uma perspetiva diferente e de forma subtil face ao elemento opositor, blindando e circunscrevendo o problema que lhe deu origem e fazendo-o desvanecer-se em torno do próprio elemento que o criou.

O líder deve estar sempre atento, escutar e sentir o “pulsar” da equipa. Muitas vezes, o que é impercetível é o mais importante. Em algumas ocasiões, um ambiente de balneário fantástico resvala facilmente para um burburinho que destabiliza todo o trabalho conquistado. Tudo isso está à distância de pequenos detalhes, que deve ser o líder a deslindar.

 

Uma equipa pode ajudar a moldar um líder

O responsável pela liderança não tem de ser o dono de toda a verdade e deter orgulhosamente a razão. Qual o problema de dar o “braço a torcer” e reconhecer que algo não é bem como acreditávamos ser?

Essa humildade não enfraquece em nada um líder, se feita com justificação e admitindo que do outro lado também pode vir muito ensinamento. O reconhecimento engrandece a relação do líder com a equipa.

Neste aspeto, os miúdos são bastante atentos. Têm sempre a sua perspetiva das coisas e gostam de levá-la ao limite. Fazem-no principalmente quando sentem que têm um treinador que não reconhece, uma vez que seja, que eles podem ter razão (mesmo que efetivamente não a tenham).

Para as crianças, o ceder em determinadas “lutas” – obviamente, aquelas em que é irrelevante o resultado dessa cedência – dá um sinal de que o treinador está disposto a dar-lhes razão. Isso consolida o respeito da equipa pelo líder.

Com os adultos acontece o mesmo. Porém, as “cedências” não deverão servir para acalmar egos. São, ao invés, processos inteligentes de envolvimento da equipa nas decisões e consistem na audição do que cada membro pensa antes da deliberação final. Mas os elementos da equipa deverão estar conscientes de que a última palavra cabe sempre ao líder.

Se estivermos na presença de um verdadeiro líder, este dará sempre a cara pela decisão tomada, quer seja bem-sucedida ou não e independentemente de ser baseada na sua opinião ou na posição de um ou mais elementos da equipa.

 

Aprender e ensinar “fazendo”

Um líder que tem de recrutar e formar atletas/colaboradores deve saber “fazer” o que ensina e ensinar “fazendo”. Deve mostrar, ir para o meio da equipa, envolver-se no processo de treino/formação, vestir o fato-macaco (se necessário) e executar.

Não basta dizer à “distância” como se faz! Há que “sentir” o papel de atleta/colaborador e que saber como é fazer, como é estar no lugar dele. É fundamental perceber as dificuldades que a equipa transmite, em vez de procurar “torneá-las” com um discurso redondo.

Mais uma vez, o líder não tem de ser o dono da verdade, da suposta única forma de realizar uma tarefa. Deverá haver sempre um processo de aprendizagem em equipa, em que todos estão envolvidos: os que nada sabem e os que estão a ensinar e que, muitas vezes, acreditam que sabem tudo.

 

Deseja saber mais sobre liderança? Quer traçar um caminho bem-sucedido, mas não sabe como fazê-lo? Faça download gratuito do nosso ebook Aprenda a Ser um Líder de Sucesso e encontre as dicas de que precisa para iniciar a sua escalada rumo à liderança.

 

Álvaro Magalhães

Consultor IHTP Academia Desporto

 

Aprenda a Ser um Líder de Sucesso!

 


Subscreva o nosso blog!

 


2 responses to “Líder: Aprenda a ceder perante a equipa e conquiste confiança!”

  1. José Luis Duarte O liveira Belo diz:

    bem haja pelos vosso informações , sei que todos os dias tenho de aprender mais até morrer .
    Bem Hajja

  2. Gostei muito.
    Excelente artigo.
    Muitos parabéns Álvaro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *