Líder no local de trabalho: tenha uma equipa feliz e motivada!

Líder no local de trabalho: tenha uma equipa feliz e motivada!

Líder é alguém que comanda e motiva os outros para que juntos alcancem determinado objetivo e resultados. Esta ideia comum, em contexto de trabalho, ganha ainda mais peso. Quem lidera uma equipa de uma empresa, tem um grande desafio: conseguir que as pessoas sejam felizes na função que desempenham e com a organização onde estão inseridas. Contudo, os estudos mais recentes indicam que a maioria das pessoas está feliz na função e menos feliz na organização. É função de quem está na liderança perceber porque é que as pessoas não estão tão felizes na organização, mas a pergunta muitas vezes pode trazer dissabores para o líder que pergunta. A questão que se impõe é: o que pode um líder fazer?

 

Pergunte para saber

Saiba ler os sinais não verbais de descontentamento e pergunte diretamente à pessoa se é feliz dentro da organização. Questione sobre o que pode fazer para que ela se sinta mais feliz e realizada na organização.

Não lidere com respostas, faça com que as pessoas as procurem. Lidere através de perguntas. Quanto melhor se tornar na arte de fazer perguntas, melhor vai conseguir ajudar a sua equipa.

Não se esqueça, pessoas mais felizes são mais produtivas, mais eficazes e ficam mais envolvidas.

 

Deixe de ouvir as pessoas. Passe a escutá-las.

Ouvir remete apenas para a audição, que é aquilo que o ouvido capta. Já escutar corresponde ao ato de ouvir com atenção.

A expressão popular “entrou por um ouvido e saiu pelo outro” é bem ilustrativa do ato de ouvir sem escutar. Escutar pressupõe ouvir o que está a ser captado pela audição mas ir além disso, compreendendo e processando a informação internamente. Logo, a diferença entre ouvir e escutar é muito grande, uma vez que a segunda demonstra que estamos a prestar a máxima atenção ao nosso interlocutor. Toda a gente gosta que lhe seja dada a devida atenção, sobretudo quando estão a falar e a exprimir uma opinião.

As pessoas desistem das pessoas, não propriamente das empresas onde trabalham. As pessoas desiludem-se com as pessoas, não com os projetos que, na maioria das vezes, continuam a considerar terem potencial e interesse para si. Os maiores problemas que os profissionais encontram, na maioria das vezes, não têm a ver com a sua competência; estão relacionados com os seus relacionamentos.

 

Inspire com o seu exemplo.

Liderar uma equipa para ter alto desempenho e ser pró-ativa e empreendedora, feliz na função e simultaneamente na organização, é uma forma de garantir a entrega de bons resultados e a sustentabilidade do negócio.

 

Jorge Mendonça
Consultor & Manager Academia Liderança IHTP

 


Subscreva o nosso blog!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *