Queres ter mais dinheiro?

Queres ter mais dinheiro?

Isto de ter dinheiro, gerir dinheiro e ganhar dinheiro sempre me pareceu coisa simples.
Grande engano!
Hoje percebo que o eventual “engano” está muito relacionado com a nossa cultura, e claro, também com o meio familiar onde crescemos.

Desde cedo fui percebendo que “trabalhar” eram várias coisas: o meu pai era, além de professor, desenhador técnico (passei horas a olhar para ele a desenhar plantas de casas…), e andava sempre em “reuniões de associações”, que eu não percebia nada o que era aquilo. A minha mãe, também professora, muitas das noites ia “dar uns cursos” sobre tapetes, rendas e afins, e ao fim de semana, fazia várias coisas em algo que fui conhecendo e participando, que são os Escuteiros.

Fomos tendo uma vida boa, com casa própria e a certa altura 2 carros, e fui percebendo que quando era necessário um extra, sempre apareceram as coisas, as férias, os passeios, a roupa, etc., mas os meus pais sempre tiveram de trabalhar muito.
Naturalmente, procurei chegar à licenciatura, até fiz Erasmus, e tanto eu como a minha irmã conseguimos finalizar a Universidade, apesar da sempre apertada gestão financeira da minha mãe após o falecimento do meu pai. O resultado é que somos Excelentes pessoas, e por isso estou muito Grato aos dois.
Consegui emprego cerca de 1 mês após a conclusão do curso, e com a minha irmã foi idêntico.
Passado algum tempo casei com a mulher da minha vida, construímos uma casa, cada um com a sua viatura e o seu emprego, e fomos “fazendo o caminho normal”.
Aos 40 percebi que o meu futuro teria de ter mais, e procurei um negócio, onde aprendi muito, e tenho aprendido principalmente a “ter um negócio”, e o que isto também significa na área financeira.

Mas então, onde está a questão? Não é isto o que todos nós aspiramos e procuramos ao longo da vida?
Pois… mas nunca aprendi a Gerir o dinheiro, como o verdadeiro recurso que é o dinheiro, ou seja, ter mais, fazê-lo crescer, atingir rapidamente a independência financeira que me permita fazer e ser o que eu quiser.

Nestes últimos tempos, até muito pelo facto de atravessarmos uma pandemia, fez-me questionar o que fazer ao dinheiro que se ganha, como gerar mais dinheiro, como fazer parte de um grupo restrito de pessoas que estão a passar por esta fase de forma muito tranquila. E procurei mais informações, encontrei muitas informações e fiquei aterrado!!!
Efetivamente não sabia mesmo nada sobre dinheiro, ou melhor, estava a ser um analfabeto na literacia financeira, e obviamente não significa ter de fazer uma licenciatura na área económica, pois conheço muitas pessoas que fizeram estes cursos, e pelo que vejo, são tão ou mais analfabetos que eu!
Hoje, depois de várias pesquisas sobre pessoas com sucesso financeiro, de ler mais, de escutar mais, de aprender mais, percebi que tenho muito para aprender, muito mesmo! E fiquei aterrado!!!
O que posso fazer??
Aprender!!

Conto uma pequena história que revela o que estou a transmitir, e como muitos como eu cometem erros financeiros, e que são tão simples de resolver e melhorar.
Em 2009 comprei um carro novo, da marca que tanto queria, e que bom foi chegar àquele ponto, que realização pessoal no dia que o fomos buscar!
Alguns meses depois, num novo desafio profissional, um dos sócios da empresa onde comecei a trabalhar, trocou o carro, por um da mesma marca que o meu.
Quais eram as diferenças imediatas, o meu era o modelo de entrada na marca, e novo, o dele era o maior e melhor modelo da mesma marca, e usado.
Quando um dia lhe digo que gosto muito do carro dele, e que parece mesmo como novo, ele diz-me que eu poderia ter um exatamente igual, mas como sou “rico” comprei um carro novo…
Então, como assim?
E disse ele “o meu carro foi mais barato que o seu, ou seja, você é mais rico que eu!”
Fiquei até um bocado chateado com aquilo, a chamar-me rico, ou a chamar-me “burro”?
Claro, que era “burro” no sentido da minha ignorância financeira.
Hoje percebo que se tens, por exemplo, 30.000€ (ou outro valor), e estás a pensar comprar um carro novo, tão simples… compra um ativo (um apartamento, um pequeno negócio) e o rendimento desse ativo é que te paga o carro novo!! Tão simples…

Quantas “asneiras” financeiras mais fiz eu durante os primeiros 40 anos da minha vida?? Várias.
O que posso fazer agora? Aceitar o passado, não o posso mudar, e Aprender!
Aprender mais sobre o dinheiro, as verdades e as mentiras que nos entram pelos olhos todos os dias, muitas vezes por pessoas que são fracassadas e que nos sugerem soluções que eles próprios não acreditam.
Existem muitos autores desta área que são verdadeiros exemplos, e temos ao nosso dispor muitos cursos sobre dinheiro e gestão de finanças pessoais.
Na verdade, o dinheiro é igual em todo o lado, ainda que existam moedas diferentes em vários países, e estou focado em aprender métodos que sejam excelentes, e de preferência com pessoas que tenham sucesso financeiro onde me encontro, em Portugal, na Europa, é o que faz mais sentido.

Nesta área de conhecimento, a I Have The Power pegou nos melhores métodos, e com o conhecimento dos melhores do Mundo, criou um curso muito útil, para pessoas como eu e como tu, que parece que até sabíamos o que fazer com dinheiro, e que afinal precisamos mesmo muito de aprender a fazê-lo crescer e a multiplicar.
Deverá ser o dinheiro a trabalhar para ti.

 

João Martins – Consultor I Have the Power

2 responses to “Queres ter mais dinheiro?”

  1. Muito bom João Martins!
    Parabéns e sucesso.

  2. Álvaro Magalhães diz:

    Parabéns João pelo excelente artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *