Desporto: Aprender a Gerir o Sucesso e Insucesso é Essencial!

Desporto: Aprender a Gerir o Sucesso e Insucesso é Essencial!

Desporto e sucesso nem sempre andam lado a lado. Ter uma vida desportiva de excelência é uma ambição que nem todos conseguem alcançar. Saber gerir o sucesso e o insucesso, na dose certa, festejar as vitórias e as conquistas, mas regressar com novos objetivos, é fundamental para o conseguir.

 

Se queres mudar o teu Comportamento, muda o teu Estado Mental

O trabalho diário intenso é peça fundamental para atingir um macro objetivo no desporto. No entanto, o Volume (V) e a Intensidade (I) com que se trabalha, não garantem por si só Sucesso Competitivo (SC). Se assim fosse, bastaria aplicar uma fórmula matemática em que o SC = V x I ou SC=(6h/dia)X(80%capacidade máxima). Existem muitas outras variáveis que condicionam a performance. Estudos recentes, na Área Comportamental, apontam 4 fatores, como os principais responsáveis por aumentar o estado de ansiedade dos atletas:

  1. Importância da competição;
  2. Número de pessoas que assistem (público);
  3. Momento do jogo;
  4. Dificuldade da tarefa.

 

Dando destaque ao “Momento do Jogo”, pergunto: quantos atletas reconhecem que têm uma prestação absolutamente imaculada durante uma partida e até mesmo durante uma competição e que diminuem claramente a sua prestação numa situação de tensão competitiva que, normalmente, coincide com a parte final do jogo, onde tudo se decide?

 

Vale a pena refletir sobre esta questão! O que acontece nessas situações?

Bom, se a situação for recorrente, estes atletas estão claramente a ser condicionados pelo “filme” errado. Nesses momentos, o Estado Mental, que é condicionado pela Fisiologia (postura) e também pelas Representações Internas (filmes que fazemos da realidade), não vai gerar o Comportamento desejado. É importante conhecer o “filme” que o atleta faz e o que “vê”. É igualmente importante observar a postura do atleta nesses momentos (especialmente direcção do olhar e orientação dos ombros). Como tão bem explica o Ciclo do Comportamento, “se queres mudar o teu Comportamento, muda o teu Estado Mental”. A boa notícia para esses atletas e respectivos treinadores, é que existem ferramentas, na área do Desenvolvimento Pessoal, que dão resposta a esta necessidade, com destaque para a PNL (Programação Neurolinguística), que permite modelizar comportamentos de excelência.

 

Vida desportiva de excelência com competência, determinação e compromisso

As grandes conquistas são momentos maravilhosos, que ficam gravados eternamente na nossa memória. Esses momentos, embora fantásticos, não garantem o sucesso seguinte. A garantia de um padrão de sucesso, está na capacidade de sair, tão rápido quanto possível, do “topo da montanha”. Se a essa capacidade juntarmos a competência, determinação e o compromisso, temos a receita para muitos sucessos, garantindo uma vida no desporto de excelência. Quem, por outro lado, após uma grande conquista, tem dificuldade em definir novos objetivos, tende a ficar amarrado a sucessos passados e descarta a possibilidade de padronizar o sucesso.

Como disse Jim Rohn, “O sucesso não acontece da noite para o dia”. Ele reconhece que esta é uma frase que ouvimos muitas vezes mas realça que, se tivermos mais vezes presente esta frase, vamos ter a capacidade de estabelecer objetivos realistas, vamos apreciar cada passo, por muito pequeno que seja, na direcção do objetivo e vamos também, aumentar a nossa capacidade de lidar melhor com os insucessos que possam surgir no caminho. O caminho do sucesso, muitas vezes não é uma auto-estrada de 4 faixas, mas sim uma estrada nacional com alguns buracos. O importante é garantir que, numa ou noutra situação, o nosso comportamento é de campeão!

 

Pedro Rufino

Consultor, Practitioner PNL e Coach IHTP

Campeão da Europa e Melhor Treinador do Mundo em 2014

 


Subscreva o nosso blog!

 

One response to “Desporto: Aprender a Gerir o Sucesso e Insucesso é Essencial!”

  1. Fantástico Pedro!
    Partilho completamente da tua opinião e recomendo a todos os desportistas que coloquem as tuas sugestões em prática.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *